24 de mai de 2010

Às vezes é tão doloroso escrever leitor.... mas precisamos extirpar a dor! É como virar a própria alma do avesso e sacudir a poeira do que há tempo está escondido lá dentro, bem no fundo do oceano...dá até vontade chorar tamanho sacrifício....                      

Nenhum comentário:

Postar um comentário