2 de mar de 2013

Havia chuva. De dentro. E depois o azul dos teus olhos apaziguando toda a minha mágoa. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário